A ecoeficiência na construção de um futuro mais sustentável

desenvolvimento socioambiental com ecoeficiência

Na construção de um futuro mais sustentável, inúmeras abordagens e métodos vêm sendo incorporados a variados âmbitos da atividade humana, abrangendo desde o universo corporativo até a construção civil. Nesse contexto, a ecoeficiência é uma das práticas que movimentam o desenvolvimento sustentável. Saiba mais a seguir!

O conceito de ecoeficiência

A ecoeficiência propõe uma relação harmônica entre meios de produção, serviços e preservação do meio ambiente através de práticas como o uso racional de recursos naturais não renováveis, a redução da emissão de poluentes e o descarte responsável.

Desde o desenvolvimento de um produto ou a prestação de um serviço até o ciclo final desses processos, ela incentiva o consumo consciente e minimiza impactos ambientais, ressaltando a importância de avaliá-los.

Sem deixar de atender às necessidades humanas e proporcionar rentabilidade, a ecoeficiência se destaca como uma importante abordagem de desenvolvimento sustentável que pode ser aplicada em qualquer âmbito, do pessoal ao corporativo.

Na prática, ela demonstra como é possível produzir mais e melhor, com menos matéria-prima, menos impactos ambientais e mais rentabilidade, tudo isso em sintonia com a oferta de serviços de qualidade.

Leia mais sobre o papel da bioeconomia no desenvolvimento socioambiental

Ecoeficiência na prática

práticas de ecoeficiência

Métodos ecoeficientes podem ser aplicados de inúmeras formas:

Redução no consumo de recursos

São priorizadas iniciativas que reduzem o consumo de energias não renováveis e o uso de matéria-prima. Um exemplo é a criação de produtos compostáveis, recicláveis, de maior vida útil ou renováveis, como o bambu e a madeira, além de demais alternativas que combatem a produção em massa, em prol do consumo consciente.

Recursos hídricos e energéticos

Algumas iniciativas para promover o uso consciente da água e evitar o desperdício são torneiras com temporizador, mecanismos de redirecionamento de água, jardins com regas automatizadas e sistemas de captação e reúso da água da chuva. Este último é um dos recursos utilizados pela Construtora Laguna em imóveis-arte como o LLUM Batel, no qual o consumo de água é reduzido em mais de 20% em comparação ao padrão proposto pelo selo LEED.

Já em termos energéticos, o amplo uso de luz natural e de lâmpadas LED ou a instalação de sensores de presença são alguns métodos eficazes de elevar a eficiência energética das construções, evitando o consumo excessivo de energia e agregando mais ecoeficiência ao dia a dia.  

Cada vez mais utilizados por empreendimentos de alto padrão comprometidos com a sustentabilidade, os painéis fotovoltaicos são um dos recursos incorporados pelo inconfundível BIOOS para geração de energia limpa na área comum da torre Health.

Gestão de resíduos sólidos

Inúmeras são as formas de reduzir a produção de resíduos e promover uma gestão mais consciente. Por exemplo: separação correta do lixo, descarte de resíduos como pilhas e baterias, compostagem, políticas de descarte ambiental e redução do uso de papel e plástico.

Em Curitiba, o projeto Composta+ atua como um serviço de coleta e compostagem de resíduos orgânicos tanto em residências como em empresas dos mais diversos segmentos. Para colaborar com a promoção do bem-estar social e ambiental, o escritório Laguna se uniu à iniciativa e, nos últimos 3 meses, gerou cerca de meia tonelada de resíduos compostados e poupou a emissão de 172 m³ de gás metano e o uso de 40 sacolas plásticas.

selos e certificações sustentáveis

Selos e certificações

Especialmente na indústria e no universo empresarial, certificações sustentáveis são uma forma de fomentar e consagrar práticas sustentáveis. Selos como o Carbono Neutro ou o Green Building Council (GBC) têm significativos impactos positivos, como a preservação de recursos naturais e a redução da emissão de poluentes e do envio de resíduos aos aterros sanitários.

Benefícios socioambientais

Os resultados da ecoeficiência contemplam o meio ambiente, as pessoas e o mercado, gerando uso otimizado de recursos, diferenciais competitivos e reflexos positivos na qualidade de vida como um todo. Outros benefícios dessa abordagem são:

  • Combate à poluição
  • Menor consumo de energia, água e matérias-primas
  • Promoção da reciclagem e da gestão sustentável dos recursos naturais
  • Extensão da vida útil dos materiais
  • Fomento do uso consciente de recursos renováveis
  • Redução da emissão de substâncias tóxicas e poluentes
  • Promoção da qualidade ambiental interna em construções
  • Redução dos custos de produção
  • Engajamento humano em prol de causas ambientais

Práticas sustentáveis nos imóveis-arte Laguna

A partir de métodos ecoeficientes é possível encontrar o equilíbrio entre o desenvolvimento econômico e o sustentável, de modo a preservar o meio ambiente para as gerações futuras e atuais.

Visando melhor qualidade de vida, recursos das construções verdes, como amplo uso da luz natural, inserção de áreas vegetadas e ambientes mais ventilados, proporcionam conforto térmico e outros reflexos positivos na saúde e no bem-estar dos ocupantes, como melhoria da atividade respiratória e regulação do relógio biológico.

Empresa com mais projetos sustentáveis do Sul do Brasil, a Construtora Laguna destaca-se no mercado da arquitetura e da construção civil em termos de ecoeficiência, contribuindo de forma significativa para o desenvolvimento socioambiental das regiões.

Praça AMPIO
PAISAGISMO ABUNDANTE NA PRAÇA CONTEMPLAÇÃO – AMPIO

Os recém-lançados VAZ Batel e AMPIO são alguns dos inconfundíveis imóveis-arte da construtora que têm práticas sustentáveis como forte diferencial, as quais serão certificadas pelo consagrado selo GBC Condomínio, que avalia desde o projeto e as obras até a entrega dos empreendimentos, certificando-os como residências mais confortáveis e eficientes.

Além de terem custos operacionais reduzidos, eficiência energética elevada e espaços mais produtivos e saudáveis, o VAZ Batel e o AMPIO se diferenciam por adotarem soluções como: monitoramento de CO2, uso eficiente da água com louças e metais de baixa vazão, gerenciamento e separação de resíduos, paisagismo com espécies nativas, painéis fotovoltaicos de geração de energia limpa e reúso da água da chuva.

Construções verdes como os imóveis-arte da Laguna provocam reflexos significativos na vida humana, devido aos seus espaços com qualidade ambiental elevada. Um estudo publicado no periódico Nature constatou que, ao longo de 16 anos, edifícios verdes situados em 6 países (incluindo o Brasil) contribuíram para uma economia de US$ 6 bilhões em gastos relacionados aos gases na atmosfera e aos sistemas de saúde – dada a queda da emissão de poluentes.

Em relação aos reflexos positivos para o meio ambiente, construções verdes vêm provocando a diminuição de até 60% do consumo de água e 25% do consumo energético, segundo uma média divulgada pelo Green Building Council.

Dessa forma, os ambientes construídos por empresas comprometidas com o bem-estar humano e ambiental, como a Construtora Laguna, geram benefícios não só para seus ocupantes, mas também para o meio ambiente e para a sociedade de forma geral.

No Espaço Laguna, você confere mais diferenciais sustentáveis no decorado do VAZ Batel e na Experiência AMPIO, bem como os recursos de conforto, bem-estar, segurança e conveniência que tornam ambos os empreendimentos inconfundíveis.

Situado na Rua Maj. Heitor Guimarães, 1740, o local fica aberto de segunda a sábado, das 9h30 às 18h30, e aos domingos, das 9h30 às 17h. Venha conhecer!

Fonte: FIA, eCycle e Pensamento Verde

Posts relacionados

  1. projetos arquitetônicos com brises
  2. espaços com proposta sustentável em Curitiba
  3. Entenda o que é a bioeconomia
Desde 1996, a Construtora e Incorporadora Laguna vem desenvolvendo empreendimentos únicos, que possuem arquitetura diferenciada e design inovador. Além disso, somos a construtora com mais projetos sustentáveis do Sul do país. Visite nosso site e saiba mais: http://construtoralaguna.com.br/

Conheça mais sobre a Laguna

Deixar um comentário