Conforto lumínico na arquitetura: importância e estratégias

SUÍTE MASTER DA TORRE SOLE – AMPIO

Na criação de obras arquitetônicas, o projeto lumínico atua como uma importante ferramenta que leva em conta desde a orientação da construção no terreno até a trajetória da luz solar. Esse estudo impacta em inúmeros aspectos do ambiente e do dia a dia dos ocupantes, sendo um de seus principais objetivos o conforto lumínico. Confira mais abaixo.

A importância do conforto lumínico

A busca por conforto lumínico abrange a adoção de recursos de iluminação artificial e natural que, por meio de certas estratégias, resultam em estímulos positivos e funcionalidade para os ambientes construídos.

Diversas são as variantes envolvidas, como a forma que a luz é distribuída, a sua tonalidade ou intensidade ou a fonte da qual provém a iluminação do espaço.

Voltada à garantia de saúde, segurança e conforto dos ocupantes em suas residências, a norma de desempenho (NBR 15575) elenca estratégias de promoção de conforto térmico, tais como:

  • Distribuição uniforme de luz nos interiores;
  • Máximo proveito de iluminação natural no edifício;
  • Controle do contraste e do brilho lumínicos;
  • Equilíbrio entre iluminação artificial e natural;
  • Inserção de recursos de proteção solar e refletividade em aberturas e fachadas.

Para além de permitir a entrada de luz nos interiores, aplicações como essas garantem o melhor aproveitamento de iluminação nos interiores, de acordo com as necessidades de cada ambiente.

Leia mais sobre as vantagens da iluminação natural nos interiores

Estratégias de conforto lumínico nos interiores

conforto lumínico nos interiores
PÉ-DIREITO DUPLO NA ÁREA SOCIAL DO DUPLEX – AMPIO

Diversas são as formas de promover conforto lumínico nos interiores, o que inclui desde elementos do interior da construção até estruturas externas.

  • Pé-direito duplo: o pé-direito duplo favorece a entrada de luz natural e possibilita a instalação de janelas maiores e em maior número. A amplitude proporcionada contribui para o projeto lumínico do imóvel, possibilitando uma melhor distribuição de luz pelos interiores.
  • Áreas externas: ainda mais relevantes na reconfiguração dos lares após a pandemia, as áreas externas como terraços, varandas e jardins representam uma das principais estratégias de promoção do conforto lumínico. Elas se destacam em uma rotina de saúde e bem-estar que inclui contato com luz natural, ar puro e vista para o exterior. O prolongamento de varandas e beirais, por sua vez, é um dos métodos de sombreamento para manter os interiores frescos e agradáveis.
  • Materiais da infraestrutura: em projetos contemporâneos, o vidro se destaca como um dos principais materiais que favorecem o conforto lumínico e a funcionalidade nos interiores. Além de proporcionar melhor visibilidade aos ocupantes, o vidro eleva o desempenho térmico e acústico da construção.
  • Nos imóveis-arte da Laguna, as esquadrias de alta performance otimizam a entrada de luz natural, aumentam a eficiência energética dos projetos e auxiliam na manutenção de temperaturas agradáveis, tanto pelo controle de ganho e perda de calor como pela filtragem da luz solar.

Outro material que assegura o conforto lumínico em empreendimentos como o inconfundível PINAH é o vidro low-e, material criado para atender a projetos situados nas regiões mais frias do país. Esse recurso favorece a incidência de luz natural com filtragem de raios solares, proteção contra radiações UV e controle da troca de calor entre os ambientes.

Reflexos e benefícios

Saúde e bem-estar

Estudos ligados à neuroarquitetura constataram que a iluminação influencia em fatores como humor e bem-estar. Por meio de estratégias que equilibram a intensidade, a variação, a tonalidade e a distribuição da luz em interiores, o conforto lumínico gera mais aconchego, estimula a produção de melatonina (hormônio do sono) e influencia na disposição dos ocupantes.

Funcionalidade

A criação de um projeto lumínico leva em conta, principalmente, o uso funcional de luzes nos interiores. A tonalidade branca tende a criar ambientes de maior foco e concentração, enquanto a amarelada é mais indicada para ambientes íntimos e de relaxamento, por estimular a produção de melatonina e, consequentemente, boas noites de sono.

O uso funcional da luz também é essencial para a percepção dos ocupantes a respeito do espaço em que se encontram. Direta ou indireta, difusa ou intimista, a iluminação serve, por exemplo, para delimitar ambientes, iluminar pontos de interesse ou destacar áreas do imóvel.

Ritmo circadiano

Especialmente nos projetos contemporâneos voltados ao bem-estar, a iluminação tem sido muito utilizada para favorecer um importante quesito de uma rotina saudável: o ritmo circadiano. Isso porque a incidência de luz natural regula o relógio biológico (guiado por variações lumínicas), o que influencia no funcionamento do organismo e em aspectos como humor, estado de alerta e ciclo do sono.

Conforto visual

O conforto lumínico tem como um de seus reflexos mais evidentes o conforto visual. Este é alcançado a partir de fatores como equilíbrio de contrastes e incidência adequada de luz. Tais aspectos estimulam o bem-estar e evitam fadiga visual, desconforto e quedas de desempenho.

Recursos de conforto lumínico nos imóveis-arte Laguna

iluminação natural nos interiores dos imóveis-arte Laguna
ÁREA SOCIAL DE UNIDADE DA TORRE LUNA – AMPIO

Nos imóveis-arte Laguna, inúmeros são os recursos e estratégias utilizados para ampliar o aproveitamento da iluminação natural nos interiores, bem como para gerar conforto lumínico. No recém-lançado AMPIO, por exemplo, a arquitetura guiada pelo sol e marcada por brises móveis cria filtros e entradas de luz conforme a preferência dos moradores.

Além desses elementos arquitetônicos, marquises e jogos de volume irão contribuir com a incidência de luz nos interiores, junto a esquadrias “piso-teto” com amplas aberturas e vistas para o exterior. Ao leste, a torre SOLE estará voltada ao nascer do sol para dar boas-vindas a dias inspiradores. Já no lado oeste, os moradores irão assistir ao pôr do sol e à chegada de noites relaxantes diretamente da torre LUNA.

Situado em uma das regiões mais cobiçadas da cidade, o VAZ Batel irá garantir aos moradores bem-estar e conforto lumínico por meio de recursos como o amplo uso de luz natural, otimização da iluminação e locais de bem-estar e autocuidado, como o solário. Entre as áreas do Wellness Ático, este espaço irá proporcionar aos moradores momentos saudáveis de contato com a luz solar, fundamental para a imunidade e para a saúde.

Forte diferencial de imóveis-arte como o AMPIO e o VAZ Batel, o critério WELL Light do selo WELL irá certificar o uso da iluminação como ferramenta de promoção da saúde visual, circadiana e mental dos ocupantes.

O objetivo é compor ambientes mais saudáveis e produtivos que favorecem o humor, a disposição e o bem-estar dos moradores e proporcionam uma melhor qualidade de vida.  

Fonte: Arch Daily e UGreen

Posts relacionados

  1. projetos arquitetônicos com brises
  2. Controle solar e conforto térmico e lumínico
Desde 1996, a Construtora e Incorporadora Laguna vem desenvolvendo empreendimentos únicos, que possuem arquitetura diferenciada e design inovador. Além disso, somos a construtora com mais projetos sustentáveis do Sul do país. Visite nosso site e saiba mais: http://construtoralaguna.com.br/

Conheça mais sobre a Laguna

Deixar um comentário