Geroarquitetura: a ascensão de projetos voltados ao público 60+

geroarquitetura em ascensão

Para atender às demandas emergentes e cada vez mais em evidência do mercado contemporâneo, a geroarquitetura ascende no setor da construção civil com novas soluções voltadas ao público 60+. Saiba mais abaixo sobre essa tendência já incorporada pela Construtora Laguna no inconfundível BIOOS.

O conceito de geroarquitetura

A geroarquitetura visa atender às necessidades do público sênior, levando em consideração questões como tecnologia, bem-estar, continuidade da carreira e estilo de vida saudável.

Em crescimento contínuo, a população sênior representará, até 2060, um em cada quatro brasileiros, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em contraposição a antigos estereótipos, uma nova geração de pessoas 60+ se revela: mais ativa, moderna e conectada.

Corresponder às demandas e anseios desse público é uma das missões abraçadas pela geroarquitetura, que vem para adaptar ambientes ao processo de envelhecimento em termos físicos, visuais, cognitivos, auditivos e de mobilidade.

Esse recente ramo da arquitetura visa a criação de espaços confortáveis, práticos e funcionais, que possibilitem aos seniores continuar praticando as atividades de que gostam e realizar suas tarefas cotidianas com segurança e autonomia.

Espaços confortáveis para o público 60+
BIOOS HOME

Fundamentos da geroarquitetura

Diversos aspectos fundamentam o conceito da arquitetura voltada aos seniores:

  • Autonomia: a geroarquitetura tem como foco proporcionar independência ao público 60+. Diferente da arquitetura hospitalar ou assistencial, essa modalidade busca estimular a autonomia dos ocupantes, ao passo que acompanha o processo de senescência – envelhecimento natural do ser humano.
  • Flexibilidade: outro aspecto importante é a flexibilidade dos espaços, que devem ser dinâmicos e adaptáveis tanto a mudanças graduais quanto a imprevistos, de modo que não há um único tipo de imóvel ideal. Além da infraestrutura básica, o lar voltado aos seniores deve integrar uma visão inteligente de projeto, que possibilite adaptações com o mínimo de obras possível.
  • Neuroarquitetura: alguns profissionais da geroarquitetura aplicam em ambientes voltados aos 60+ conceitos da neuroarquitetura – ciência que promove em projetos construtivos impactos positivos no cérebro e no comportamento humano em termos de humor, produtividade e sensação de bem-estar, entre outros.

Um exemplo prático do uso da neuroarquitetura é a iluminação natural:  ela regula o ritmo circadiano; as luzes frias nos deixam alertas; e a iluminação quente favorece a sensação de aconchego. Além disso, utilizar cores vibrantes nos ambientes estimula a criatividade.

Aplicações da geroarquitetura

A fim de possibilitar que os seniores sigam realizando as atividades que sempre fizeram, assim como as que despertam prazer, diversas estratégias da geroarquitetura são aplicadas nos projetos.

  • Adequações a necessidades: questões de segurança e demandas acústicas, visuais, lumínicas e de conforto, como aspectos ergonômicos, iluminação plena e acústica específica. Demais elementos como tomadas e interruptores em alturas estratégicas e sensores que detectam sinal de fumaça também favorecem a mobilidade, a acessibilidade e a segurança dos seniores.
  • Memória afetiva: um dos fatores de grande importância nesses projetos é a memória afetiva. Mais do que projetar imóveis aconchegantes, é interessante agregar objetos pessoais para complementar o ambiente e, a partir deles, proporcionar aos residentes boas recordações.  

É fundamental, portanto, possibilitar espaços que comportem objetos pessoais, móveis, porta-retratos e outros elementos de valor sentimental para a pessoa.

  • Estruturas largas: em imóveis voltados ao público 60+, portas, corredores e áreas de circulação largas são essenciais por fatores ligados à acessibilidade e para proporcionar mobilidade plena ao sênior e a um eventual acompanhante – com o conforto e a amplitude necessários.
  • Acabamentos: na geroarquitetura, esses elementos também requerem atenção e adequações, como pisos antiderrapantes e com superfícies planas, vidro temperado laminado (que evita cortes, caso quebre) e ausência de degraus.
  • Contato com o exterior: imóveis com janelas amplas e vista para o exterior proporcionam maior proximidade com a natureza e colaboram para a orientação temporal e no espaço. Esse diferencial beneficia também o ciclo circadiano dos ocupantes, que por meio do relógio biológico, responde à iluminação natural.
Terraço BIOOS
TERRAÇO GARDEN – BIOOS HOME

Geroarquitetura no BIOOS Home

Pioneiro na criação de um projeto que alia serviços de saúde, bem-estar e moradias senior living, o projeto do BIOOS contou com a consultoria de uma especialista em geroarquitetura, a Flavia Ranieri, e compreende em seu complexo uma série de estímulos que favorecem a longevidade de seus ocupantes, desde a alimentação até a prática de exercícios físicos.

Para proporcionar qualidade de vida ao longo do processo de envelhecimento, a Construtora Laguna deu um passo rumo ao futuro e incorporou ao BIOOS Home (torre do complexo BIOOS com apartamentos 60+) ambientes e diferenciais construtivos que estimulam hábitos saudáveis, contato com a natureza, vida em comunidade e demais aspectos que tornam a rotina dos seniores mais proveitosa.

Além de proporcionar aos ocupantes segurança, independência, espaços e serviços que promovem lazer e facilidades no dia a dia, o BIOOS Home tem como alguns de seus diferenciais:

  • Assistência aos moradores: as unidades senior living irão oferecer aos moradores serviços pay per use de limpeza, organização e reparo das unidades, assistência básica de saúde e atendimentos de cuidado, conforme necessidade.
  • Espaços de convivência: para estimular uma vida plena em comunidade, o BIOOS compreende diversas áreas comuns, além de um MALL que interliga ambas as torres. Este será composto por lojas, serviços e conveniências, em meio a espaços amplos e arejados, ideais para realizar uma pausa para o café ou passear com o pet.
  • Infraestrutura adaptada: para garantir a segurança dos ocupantes, as unidades senior living serão contempladas com diferenciais como porta de entrada com 1,10 m de largura; tomada inteligente para fogão elétrico (com desligamento automático); botão S.O.S; sensor de fumaça na cozinha; interfone com sistema de vídeo; e fechadura eletrônica na entrada.
geroarquitetura para o público sênior
DECORADO – BIOOS HOME

Tais diferenciais e recursos irão possibilitar que os moradores do BIOOS Home desfrutem cada momento da rotina com tranquilidade, conforto e segurança, em um complexo que une pessoas com um desejo em comum: viver mais e melhor. Os conceitos da geroarquitetura estão aplicados ao inconfundível decorado do imóvel-arte, que pode ser visitado diariamente das 9h às 19h30 na Rua Augusto Severo, 630. Venha fazer uma visita!

Fonte: Gazeta do Povo, Apê11 e Flavia Ranieri

Related Posts

  1. hot-desking e o modelo de trabalho flexível
  2. Medicina Humanista
  3. expectativas para o mercado imobiliário curitibano
Desde 1996, a Construtora e Incorporadora Laguna vem desenvolvendo empreendimentos únicos, que possuem arquitetura diferenciada e design inovador. Além disso, somos a construtora com mais projetos sustentáveis do Sul do país. Visite nosso site e saiba mais: http://construtoralaguna.com.br/

Conheça mais sobre a Laguna

Deixar um comentário