Como combinar cores na decoração

Sala com cores na decoração em destaque - LAGUNA

Além de agregar vivacidade, o uso de cores na decoração de interiores pode desencadear efeitos diversos no psiquismo humano. Segundo os estudos de Goethe primeiro pesquisador das cores a estudar os “efeitos sensíveis-morais” que deram origem à psicologia das cores –, cada cor provoca sensações, comportamentos e reações similares nos indivíduos.

Para aplicar cores na decoração de forma eficiente e harmônica, é importante atentar-se às diversas influências e possibilidades que as tonalidades abrangem. Confira abaixo algumas delas.

Psicologia das cores

A psicologia das cores analisa os efeitos que cada cor provoca nos sentimentos, emoções e comportamentos humanos. Dessa forma, é importante compreender as influências que as cores exercem na decoração de interiores para aplicá-las da maneira adequada em cada espaço. Por exemplo, o uso de tonalidades de amarelo estimula sensações ligadas à felicidade e ao otimismo.

Na brinquedoteca do inconfundível ALMÁA Cabral, o amarelo é utilizado em harmonia com outras cores, resultando em uma estética lúdica, alegre e dinâmica. Estrategicamente projetado para estimular sensações de bem-estar nos pequenos, o ambiente incorpora uma composição equilibrada, com a predominância de azul, verde e amarelo. De acordo com a psicologia das cores, esses tons são ideais para despertar, respectivamente, sensações de calma e estabilidade, vigor e perseverança e alegria e otimismo.

cores na decoração da BRINQUEDOTECA – ALMÁA CABRAL
BRINQUEDOTECA – ALMÁA CABRAL

Círculo cromático

Uma alternativa para quem busca combinar cores na decoração de maneira correta é se orientar pela roda das cores, ou círculo cromático. Trata-se de uma ferramenta que simplifica a percepção das cores pelo olho humano e as divide em 12 fatias: três cores primárias, três secundárias e seis terciárias. Pela disposição das tonalidades do círculo, é possível verificar quais cores harmonizam melhor entre si e quais se adequam melhor a um determinado ambiente ou objeto.

Círculo cromático sendo usando nas cores da decoração – LAGUNA

Na roda das cores, inicialmente desenvolvida por Johann Wolfgang von Goethe, há três divisões que simplificam o entendimento sobre quais combinações são mais recomendáveis para a decoração de interiores. Confira:

  • Cores complementares: estão dispostas em lados opostos do círculo e contrastam mais entre si. Um exemplo são as cores verde e vermelho, que estimulam ânimo, energia e entusiasmo, ideais para decorar ambientes infantis.
  • Cores análogas: estão lado a lado no círculo cromático, como o laranja e o amarelo. A aplicação de tons quentes torna os ambientes mais informais e descontraídos, enquanto cores frias agregam sofisticação e formalidade aos interiores.
  • Cores complementares decompostas: compõem a chamada tríade – as que, pela equidistância, formam um triângulo. É possível incorporá-las à decoração numa estética de contraste e, ao mesmo tempo, harmonia. Uma alternativa é optar por aplicar uma cor predominante no ambiente e utilizar pontualmente as outras duas em móveis ou objetos.

A aposta do uso de tons vibrantes nos detalhes da decoração mostra-se, geralmente, mais adequada, pois agrega vivacidade a pontos específicos do ambiente sem sobrecarregá-los.

Monocromatismo de cores na decoração

Outra forma de alcançar uma estética harmônica e equilibrada com a aplicação de cores na decoração é por meio da utilização de paletas monocromáticas. São diversas as possiblidades de explorar a mesma tonalidade em intensidades e tons variados.

Em tons claros, tanto as cores análogas quanto as complementares, como o rosa e o verde, são boas alternativas para criar estéticas que remetem ao clássico ou ao contemporâneo. A aplicação de paletas monocromáticas em degradê, por sua vez, é ideal para alcançar harmonia e dinamismo visual e toques modernos e elegantes.

Sala ampla e moderna com monocromatismo nas cores da decoração – LAGUNA

Tons neutros

Entre os tons mais fáceis de serem trabalhados na decoração de interiores destacam-se os neutros, graças à versatilidade que oferecem. Cores como cinza, branco, off white e bege harmonizam perfeitamente com demais elementos e tonalidades presentes no espaço e são ideais para serem utilizadas como cores-base do ambiente.

Nas áreas íntimas do imóvel-arte PINAH, cores harmônicas como branco e bege compõem um perfeito equilíbrio com o tom quente da madeira, que aquece o ambiente e eleva a sensação de aconchego dos moradores. Essa aplicação demonstra como o uso de cores neutras agrega uma estética sóbria e sofisticada à decoração.

cores na decoração da suíte master- LAGUNA
SUÍTE MASTER TIPO 1 – PINAH

A seleção correta de cores para cada ambiente é essencial. Por isso, a Construtora Laguna observa a importância das cores na criação de seus imóveis-arte. Neles, as tonalidades são escolhidas em sintonia com os espaços e harmonizam com as funções desempenhadas nos diferentes momentos do dia a dia.

Related Posts

  1. Pessoa cuidando de orquídeas para o cultivo - LAGUNA
  2. Apartamento de alto padrão MAI Terraces - LAGUNA
  3. minimalismo na arquitetura aplicado no interior de uma residência

Desde 1996, a Construtora e Incorporadora Laguna vem desenvolvendo empreendimentos únicos, que possuem arquitetura diferenciada e design inovador. Além disso, somos a construtora com mais projetos sustentáveis do Sul do país. Visite nosso site e saiba mais: http://construtoralaguna.com.br/

Conheça mais sobre a Laguna

Deixar um comentário