Curitiba será sede do maior encontro da construção verde da América Latina

Curitiba sediará maior encontro da construção verde da América Latina - Construtora Laguna

Atualmente, o Brasil é o 4º país no ranking mundial de edificações sustentáveis (certificação LEED – Leadership in Energy and Environmental Design – selo renomado no mercado imobiliário internacional, presente em 167 países). Na região Sul, a construtora com mais projetos sustentáveis é a Laguna.

Os edifícios verdes reúnem uma série de tecnologias e inovações que permitem a economia de recursos naturais, diminuem o impacto na geração de resíduos, aumentam a qualidade de vida e contribuem, diretamente, para o bem-estar das pessoas.

O Paraná é o terceiro estado brasileiro com maior número de registros de certificações, em 89 edificações. Sua capital, Curitiba, sediará de forma inédita o principal evento de construção sustentável da América Latina. A 9ª Greenbuilding Brasil Conferência Internacional e Expo será realizada entre os dias 5 e 7 de novembro, no Salão Principal da Federação das Indústrias do Paraná (FIEP).

O evento vai oferecer conteúdo técnico e científico aos profissionais, gestores públicos e acadêmicos de áreas como construção, arquitetura, engenharia, design, agronegócio, sustentabilidade, habitação, planejamento urbano e outras. Serão apresentadas mais de 40 Sessões Educacionais (palestras, apresentações de trabalhos técnicos), entre elas a “Sessão especial – O promissor setor residencial: Oportunidades e lideranças”, que terá o sócio-presidente da Laguna, Gabriel Raad, como um dos palestrantes. Acontecerão ainda workshops, eventos de networking e visitas técnicas em edifícios de destaque.

A edição de 2018 será realizada simultaneamente a outros dois eventos, a 5ª edição do Smart Energy Paraná, voltado à eficiência energética e energias renováveis, e o ASHRAE Brasil Chapter, sobre a eficiência energética em edificações. Esses eventos têm por objetivo debater a importância da utilização de fontes renováveis de energia para o desenvolvimento, disseminar conhecimento técnico sobre o tema e promover a geração de negócios.

Segundo Felipe Faria, diretor executivo do Green Building Council Brasil (GBC Brasil) e presidente do Comitê dos GBCs das Américas pelo World Green Building Council, a sinergia entre os eventos é positiva e vai agregar valor à indústria de construção. “Essa edição do Greenbuilding Brasil será marcante, uma vez que tornamos o evento itinerante, e a primeira cidade será Curitiba”, afirma. Ainda de acordo com o executivo, a escolha foi referenciada pelo protagonismo da região, que lidera o percentual de projetos certificados LEED Platinum, além de ser pioneira nas certificações GBC ZERO ENERGY e GBC CASA e CONDOMÍNIO.

Panorama sobre a energia e as construções verdes

Curitiba será sede do maior encontro da construção verde da América Latina - Iguaçu 2820 - Construtora Laguna

A energia e a construção civil são dois dos segmentos mais importantes para a economia e a sociedade brasileira. Segundo dados do IBGE, a construção civil representa 11,3% do PIB do país (incluindo as atividades imobiliárias), enquanto que a energia representa 2,7%. Segundo mostra o Plano Nacional Energético – (EPE) para 2050, 48% do consumo de energia do país é proveniente de edificações, incluindo residências, edifícios comerciais e públicos e, até 2020, haverá um aumento de 148% no consumo de energia no setor de edificações.

No Brasil, 40% da energia gerada é proveniente de fonte renovável, grande parte de hidrelétricas, que representam três vezes a média mundial. Já no quesito energia solar, o país apresenta potencial de geração de 28.500 gigawatts. O crescimento do mercado de energia fotovoltaica em 2017 no Brasil foi de 256,48% e foram registradas 27.605 edificações com geração distribuída em maio de 2017, contra 7.807 em 2016.

Em termos de certificação verde, a taxa anual de crescimento de edifícios sustentáveis no Brasil é de 41%. Já no Sul, é de 79,6%. A região se destaca pela qualidade dos projetos verdes certificados. Isso se verifica no percentual elevado de edificações com selo LEED Platinum, o maior nível da certificação verde, a exemplo do escritório da Laguna no Edifício Iguaçu 2820. Ademais, a Região Sul lidera o número de projetos na certificação GBC ZERO ENERGY, e Curitiba concentra o maior número de edificações registradas no GBC CASA e CONDOMÍNIO, como é o caso do ROC Batel.

Curitiba será sede do maior encontro da construção verde da América Latina - ROC Batel - Construtora Laguna

Esse crescimento é o resultado dos benefícios que as construções verdes oferecem. Um estudo da Universidade de Harvard aponta que os ganhos financeiros atrelados às mudanças climáticas e à melhoria com saúde e bem-estar oferecida pelas edificações verdes são de 16,05 dólares por metro quadrado. Nesse cenário, de 2007 a 2016, o Brasil gerou uma economia total de 348 milhões de dólares, sendo mais de 70% deste valor em economia de energia.

Estudos também comprovam que as construções verdes são a melhor opção de negócios no setor imobiliário. A Fundação Getúlio Vargas (FGV) analisou mais de 2.000 prédios comerciais em São Paulo entre 2010 e 2014 e comprovou que as construções verdes recebem uma valorização por metro quadrado no aluguel de 4% a 8%. Também identificou que estes imóveis registraram taxa de vacância de 28,6%, contra 34,1% das edificações não certificadas.

Sustentabilidade é marca da Construtora Laguna

Curitiba será sede do maior encontro da construção verde da América Latina - Construtora Laguna

A Construtora e Incorporadora Laguna busca e desenvolve alternativas que contribuem para construções mais sustentáveis. Mais do que ser reconhecida como uma empresa inovadora e atenta às certificações, a marca acredita que ser sustentável é promover a qualidade de vida de toda a sociedade.

A Laguna é, atualmente, a empresa do setor imobiliário com o maior número de projetos certificados ou em processo de certificação na Região Sul.

Entre eles estão o Condomínio Industrial e Logístico São Carlos (SP), com selo LLED Gold e Silver Gold; o Iguaçu 2820, com selo Gold; o escritório Laguna no Iguaçu 2820, com selo Platinum; o LLUM Batel, com pré-certificação Gold e Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (ENCE), do programa Procel Edificações; e o ROC Batel, em processo de certificação GBC Condomínio.

Leia também: Laguna antecipará a entrega do LLUM Batel

A Construtora e Incorporadora Laguna possui mais de 20 anos de atuação no mercado imobiliário e desde 1996 vem desenvolvendo empreendimentos únicos, de alto valor agregado.

Visite nosso site para saber mais construtoralaguna.com.br

Deixar um comentário